Notícias

Tradicional evento dos suinocultores reúne público aproximado de mil pessoas em Rodeio Bonito

10/08/18

RODEIO BONITO – “Este evento que acontece aqui em Rodeio Bonito – o 44º realizado no Rio Grande do Sul – tem um significado muito importante e ocorre num momento muito especial. Eu diria que é o momento da retomada”. Com essas palavras, o presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Francisco Turra, e então palestrante desta edição do Dia do Estadual do Porco, definiu o evento.

Turra falou sobre os cenários e perspectivas da suinocultura para as quase mil pessoas que prestigiaram a 44ª edição do Dia Estadual do Porco na última sexta-feira (10), no Ginásio Municipal Antônio Trento. Suinocultores, representantes de cooperativas e agroindústrias, veterinários, agrônomos e outros profissionais de empresas do setor e autoridades ligadas à atividade reafirmaram, por mais um ano, a força da suinocultura no Estado e no País. “Estamos reunidos para mostrar a qualidade do produto, como se produz e o produto em si. O Brasil tem 76 mercados abertos e ainda está muito ‘nas mãos’ do mercado russo, que permanece em vias de reabrir. Por isso digo que este é um momento histórico que acontece em Rodeio Bonito, pois estamos em condições de mostrar ao mundo que o Brasil nunca apresentou um problema de peste suína clássica africana, por exemplo, e que está presente praticamente em todos os continentes”, disse. O palestrante destacou ainda que o Brasil exporta para a China, Japão, Coréia do Sul e agora busca-se o México, além da reabertura da Rússia. “Esses são os cinco maiores mercados compradores de carne suína. Caso o Brasil feche com a Rússia e o México nós estaremos vencendo a crise da carne suína para os próximos anos”, ressaltou.

Para o prefeito de Rodeio Bonito, José Arno Ferrari, o resultado da suinocultura apresenta-se constantemente no cotidiano do Município. “Antigamente nossa região era considerada a região da fome e esta realidade foi modificada em função da suinocultura que agregou renda e trouxe dignidade aos nossos produtores. Receber o Dia Estadual do Porco em nosso município é motivo de alegria e representa a coroação de todo o trabalho feito ao longo dos anos”, frisou Ferrari. “Com toda certeza, a suinocultura mudou o nível da nossa sociedade oferecendo mais condições de vida aos nossos trabalhadores da roça”, complementou.

O presidente da Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul – ACSURS, Valdecir Luis Folador, ressaltou que a cada ano mais pessoas engajam-se ao evento, o que demonstra a força da atividade no RS. “A suinocultura é uma atividade primária de grande importância seja para a economia ou socialmente, pois gera emprego e renda. Com o Dia Estadual do Porco também queremos proporcionar ao suinocultor um momento para troca de experiências com outros profissionais e de busca de conhecimento”, destaca Folador.

Candidatos RS

A ACSURS e o Governo de Rodeio Bonito convidaram os cinco candidatos a governador do RS mais bem posicionados na pesquisa eleitoral realizada no período de 6 a 11 de junho de 2018 (Paraná Pesquisas) para apresentarem suas ideias ao público do 44º Dia Estadual do Porco. “Após várias tentativas de levá-los ao evento e mesmo estando em suas pré-agendas até o início da semana, apenas um deles confirmou sua presença. Infelizmente, aqueles que não participaram perderem a oportunidade de exporem seus projetos a um dos setores primários mais importantes da economia gaúcha”, ressalta Folador. O único candidato que esteve no evento foi Eduardo Leite, que ocupou aproximadamente 20 minutos em sua fala.

Homenagem

Outro destaque da programação foi a homenagem feita à Suinocultura Acadrolli pelos 70 anos de atuação no município de Rodeio Bonito e região. Uma placa foi entregue pelo presidente da ACSURS e pelo prefeito de Rodeio Bonito ao empresário suinocultor Sady José Acadroli.

Parceiros

O 44º Dia Estadual do Porco contou com o apoio institucional da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal (Fundesa), Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos (Sips), Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi RS), Emater/RS, Associação Comercial e Industrial de Rodeio Bonito, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e CTG Gaudérios do Rodeio. Contou com o patrocínio de Banrisul, Suinocultura Acadrolli, Farenzena, Importherm, Machado Agropecuária, Bacsol/Agrodanielli/Condesp, Construrohr, DB Genética Suína, De Heus, Magnani, Mig-PLUS, Minitube, American Nutrients, Topgen, Tectron, Vetoquinol, Zoetis, Agroceres PIC, Cargill/Nutron, Ipeve, Sicredi, Cooper A1 e Creluz.

Entre as autoridades presentes, o secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação do RS, Odacir Klein, que representou o governador do Estado; o secretário do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo do RS, Tarcísio Minetto; o presidente da Frente Parlamentar Mista da Suinocultura da Câmara dos Deputados, deputado Federal Covatti Filho; presidente da Frente Parlamentar de Apoio à Suinocultura Gaúcha na Assembleia RS, deputado Estadual Aloísio Classmann; e deputado Federal Jerônimo Göergen, que representou a Câmara dos Deputados.

Texto: Jornalista Simone Jantsch | Assessoria de Comunicação da ACSURS


Voltar para notícias

    Entidades constituintes

    • Sips
    • Asgav
    • Sipargs
    • Sindilat
    • Sicadergs
    • Farsul
    • Fetag
    • Acsurs
    • Sindicarnes